Trilha Praia do Simão – Praia do Saco das Bananas

Chegar as Praias do Simão ou do Saco das Bananas por via terrestre exige um bom preparo físico, pois o acesso é somente por trilha, que em alguns pontos é “single track”, enfrentando muita subida, encontrando árvores que normalmente estão caídas no meio do caminho, e tomando cuidado para não torcer o tornozelo por conta das muitas raízes no chão, isso tudo por dentro da Mata Atlântica.

Saindo da Praia do Simão sentido Saco das Bananas

Estas praias estão localizadas na região sul de Ubatuba, bem no meio da Trilha das 10 Praias Desertas. Para chegar no Simão o acesso mais rápido é uma trilha a partir da Praia da Lagoa e para chegar na Praia do Saco das Bananas, o acesso  mais rápido é a partir do canto direito da Praia da Caçandoca.

Estando na Praia do Simão, vemos a Praia do Saco das Bananas, que parece estar bem perto, mas a distância terrestre é de cerca de 1.700 metros. O início da trilha é próximo ao canto esquerdo da Praia do Simão, e logo de cara temos uma subida longa e muito íngreme. Não demora muito para termos um ponto de parada para uma linda visão da Praia do Simão.

Praia do Simão vista da trilha para a Praia do Saco das Bananas

A trilha apesar de estreita é bem conservada e aberta. Um pouco antes da chegada na Praia do Saco das Bananas, temos muitas jaqueiras, bananeiras e bromélias enfeitando o caminho que se parece com um jardim bem cuidado.

Um pouco antes de descer para a praia vemos as ruínas de uma antiga escola, que foi construída em 1973 em área da prefeitura, e que atendia cerca de 28 crianças. Os professores vinham de barco e ficavam a semana inteira no local, porém em 1993 a escola foi fechada por falta de aluno. 

Escola um pouco antes da chegada no Saco das Bananas

A chegada na Praia do Saco das Bananas é entre algumas casas de caiçaras, uma comunidade que vive neste lindo ambiente com sua beleza selvagem ainda preservada. Realizando o percurso entre a Praia do Simão e a Praia do Saco das Bananas, em uma caminhada tranquila, o tempo estimado para fechar o trecho é de 25 a 30 minutos.

Chegada a Praia do Saco das Bananas

Importante:
Para realizar trilhas, siga algumas regras básicas: Preserve a natureza, não jogue lixo na trilha, não maltrate os animais, não entre em propriedades particulares, recolha seu lixo e dê o destino certo para ele, deixe apenas pegadas, evite fazer barulho, desfrute dos sons da natureza, cuidado para não causar incêndios na floresta, planeje bem sua caminhada e informe a alguém sobre seu passeio, proteja-se do sol, mosquitos, borrachudos e mantenha-se sempre na trilha.

Se a caminhada for extensa é indispensável alguns acessórios como um calçado confortável, calça comprida leve e macia, camiseta de manga comprida por conta do capim navalha, boné, mochila impermeável com repelente, protetor solar, máquina fotográfica, muda de roupa seca, capa de chuva, agasalho, apito, toalha, lanterna, além do lanche, água e barrinha de cereal por exemplo. Preste atenção as passadas, e desníveis causados por erosões, devido às chuvas, e a utilização de um “cajado” ajuda bastante a diminuir os impactos.

Também esteja alerta para abelhas, porcos do mato e a presença de cobras peçonhentas que são muito comuns em Ubatuba e na região da Mata Atlântica, tais como a jararaca (Bothrops jararaca), coral (Micrurus Corallinus), jararacuçú (Bothrops) e urutú-cruzeiro (Bothrops alternatus), que costumam ficar no meio da trilha, especialmente em lugares que bate sol.

Sempre recomendamos fazer trilhas acompanhado de um Guia Credenciado, pois além de garantir mais segurança, também aproveitamos para conhecer melhor a história do local.

Lembre-se: da natureza nada se tira, além de fotos e nada se leva, além de boas lembranças!!!