Super SUP Brasil – Etapa Ubatuba

Ubatuba tem recebido etapa do Super SUP Brasil, normalmente na Praia do Sapê, que acolhe os atletas, staff e mídia, proporcionando uma excelente estrutura já consolidada nesses anos de parceria com a CBSUP. O evento conta com disputas para todas as categorias profissionais e amadoras e com competições das modalidade  SUP Wave, Race distance e Race Técnico (para a categoria profissional).

O Super SUP Brasil retornou a Ubatuba, após o sucesso do Grand Slam realizado em 2015, que consolidou a localidade como parada obrigatória do circuito. Contou com a presença de atletas de todo o Brasil, que disputaram as provas nesse playground paradisíaco que é a Praia do Sapê, e teve como sede, as dependências do Hotel Porto do Eixo, que acolheu os atletas e a mídia.

A organização do Super SUP Brasil tem sido da CBSUP e as classes e categorias conforme o livro de regras da CBSUP 2016, sendo que a competição obedece as regras desse aviso de regata, instrução de regata, livro de regras da CBSUP e determinações da entidade.

Alguns percursos realizados na região da Praia do Sapê:

percursopercurso 3

percurso 4percurso 5

Mais informações em: https://cbsup.com.br/contagem-regressiva-para-o-ubatuba-grand-prix/ 

A Origem do Stand Up Paddle
O Stand Up Paddle (SUP) é um esporte onde se rema em pé na prancha podendo ser praticado em praias, lagoas e rios. Tudo começou nos anos 40, no Havaí, onde instrutores remavam em pé sobre enormes pranchSUPPas de madeira com o intuito de acompanhar seus alunos durante as aulas de surfe. Com raízes Polinésias, significa em havaiano Ku (de pé) Hoe (remar) He’e (surfar) Nalu (onda), e é possível se divertir remando ou pegando ondas pequenas, assim como ondas bem grandes. Simples, divertido e democrático, o SUP chegou ao Brasil com a ajuda de Rico de Souza, um surfista nacional, que não se contentou em apenas remar com um pranchão. Ele queria praticar com a maior prancha do mundo e não pensou duas vezes antes de construir com isopor revestido de fibra de carbono mais de 10 metros de muita diversão.

Por que praticar o SUP
O SUP proporciona altíssima queima calórica, por trabalhar em cima de uma superfície móvel (a água), exige do praticante, um trabalho de equilíbrio constante. Mesmo a pessoa iniciante ou a pessoa mais experiente tem que manter as pernas e o abdômen contraídos para a manutenção do equilíbrio. Para a recuperação de lesões o SUP é recomendado no reforço de tornozelos, joelhos, pois não existe impacto, contudo, é exigido permanentemente a musculatura do tornozelo, e joelhos, pois se trabalha em uma superfície móvel. Outra vantagem é o contato constante com a natureza, seja em lagos, barragens e rios, é um esporte contemplativo, e de consciência ecológica. Praticar o SUP em rios é emocionante, mas seriam muito mais legal se houvessem rios mais limpos para se remar,daí o despertar para a preservação da natureza.

Pode ser praticado em vários níveis
O SUP é semelhante ao surfe, porém, o início é imediato, as pessoas saem praticando no primeiro dia, e não precisa ser atleta, ou praticante de outro esporte. Muitas pessoas sonham em praticar o surfe, contudo, 90% desistem no início, pois é um esporte difícil de ser praticado, e leva muito tempo para pegar a supppprimeira onda. Da mesma forma, surfe não é como andar de bicicleta, pois um mês sem atividade física, não se consegue pegar ondas decentemente.A maior dificuldade do surfe está no êxito do “drop”, momento em que o surfista alcança a velocidade da onda, remando deitado, levanta e fica de pé. A remada exige uma condição física de boa para ótima, senão, a onda passa e o surfista não pega a onda. Pior, o surfista não rema suficiente e pega a onda quebrando, oportunidade que conhece a “wipe out”, ou, no bom português, leva uma vaca. O SUP, stand up paddle, chegou para permitir as pessoas, não atletas, de praticarem um esporte emocionante, com vários níveis de graduação. A grande diferença, é que qualquer pessoa consegue ficar de pé na prancha, remar, e curtir muito, no primeiro dia. Realmente, uma sensação muito emocionante para quem não pratica nenhum esporte, e tem vontade de começar algo diferente, seja sozinho, com amigos e/ou com a família.

Equilíbrio para o corpo
Segundo praticantes e especialistas, o SUP, Stand-Up Paddle, dentre todos os esportes de prancha, é o que oferece o melhor e mais forte exercício físico. É bom para trabalhar força, equilíbrio, abdominal, os braços e a mente, trabalha-se todos os grupos musculares, os ligamentos utilizando princípios da Yoga e do Pilates. Atletas de surf de pranchinha, do longboard, de tow-in e até mesmo de outros esportes como o triátlon se utilizam do pranchão a remo para melhorar o preparo físico e relaxar a mente.

Partes do texto extraídas de: https://www.supsurf.com.br/stand-up-paddle-surf-porque-praticar.php